BATERIA HELIAR NOBREAK.png
97179869_136742914640623_727481005257208
BATERIA PARA BROZ NXR 160.png

Bateria Moura para Motos

Seja no asfalto ou off road, com a Moura Moto você vai mais longe.

 

Desenvolvida com tecnologia mundial de ponta e alta resistência para rodar mais, a Moura Moto possui duas versões: AGM/Regulada por válvula com elementos blindados (livre de manutenção), e a ventilada que permite manutenção e que possui íons ativos de proteção. Ambas atendem motocicletas, scooters, quadriciclos e motos náuticas que vão de 50cc até 2300cc.

tabela.PNG
AGM - VRLA - Livre de Manutenção.PNG

AGM / VRLA - Livre de Manutenção

1. Válvula e pastilha anti-chamas

Regula a pressão interna dos gases (VRLA) e impede a penetração de faíscas, evitando explosões. Máxima segurança.

2. Design robusto de grade e liga anticorrosão

Garante maior durabilidade e corrente de partida. Livre de manutenção.

3. Elemento blindado, com separador AGM

Aumenta a vida útil e retém o eletrólito (evitando corrosão). Protege o meio ambiente e resiste à vibração

Bateria_Ventilada_-_Permite_Manutenção

Bateria Ventilada - Permite Manutenção

1. Aditivada com íons ativos

Menor tempo de recarga e maior durabilidade.

2. Design especial de grade

Maior vida útil e corrente de partida.

3. Separadores de fibra de vidro

Garante maior resistência à vibração.

2.PNG
1.PNG

RECOMENDAÇÕES IMPORTANTES

 

As baterias devem ser armazenadas em estrados (pallets) em local seco e ventilado, longe de raios solares e de quaisquer fontes de calor. Baterias de até 75Ah podem ser empilhadas até 6 camadas; acima de 75Ah, empilhar até 4 camadas, no máximo.

 

A armazenagem das baterias deve ser feita de tal forma que a rotatividade do estoque permita que as mais antigas sejam vendidas primeiro (FIFO). A condição de carga das baterias em estoque deve ser verificada a cada 90 dias.

 

Se a bateria apresentar o visor de carga verde e tensão acima de 12,3 Volts, ela está carregada; se, porém, apresentar o visor de carga preto ou tensão abaixo de 12,3 Volts, é necessário recarregá-la. O local de carga de baterias deve ser seco e ventilado, longe de raios solares e de quaisquer fontes de calor. Só recarregue a bateria no sistema de carga lenta; a carga rápida não é recomendada, pelos danos que causa à bateria.

 

Para a correta aplicação da carga, é recomendado dispor de voltímetro de baixa leitura (0 a 20V) e termômetro (0 a 100°C). A corrente de carga, em Ampéres (A), deverá corresponder a 10% da capacidade nominal da bateria, em Ah. Por exemplo, para uma bateria de 75Ah, a corrente de carga deve ser de 7,5A. Quando baterias de capacidades diferentes forem carregadas em série, limitar a corrente pela bateria de menor capacidade.

 

A tensão individual de cada bateria não deverá exceder 16 Volts. A temperatura da bateria em carga nunca deve ultrapassar os 60°C. Caso ocorra, reduzir à metade a corrente de carga. A bateria estará plenamente carregada quando apresentar o visor de carga verde e a mesma tensão em 3 leituras consecutivas, realizadas a cada hora.

 

No final da vida útil da bateria, o usuário deverá entregá-la aos revendedores ou à rede de assistência técnica autorizada para a destinação adequada ao fabricante. (Resolução CONAMA N° 401-04/11/08, art. 16, §III). Contato com a pele: lavar imediatamente em água corrente abundante.

 

Contato com os olhos: lavar imediatamente em água corrente por 15 minutos e procurar socorro médico urgente. Ingestão: beber água ou leite em abundância, e em seguida ingerir leite de magnésia ou ovos batidos. Procurar socorro médico urgente.

 

Riscos à saude: o contato com os componentes internos da bateria pode causar danos severos à saúde humana. Riscos ao Meio Ambiente: a destinação final inadequada da bateria pode poluir águas e solo. Composição básica: chumbo, ácido sulfúrico diluído e plástico.

 

ESTOQUE RECARGA SEGURANÇA / MEIO AMBIENTE CUIDADO GASES EXPLOSIVOS CORROSIVO. ÁCIDO SULFÚRICO. PODE CAUSAR QUEIMADURAS GRAVES E CEGUEIRA PROTEJA OS OLHOS GASES EXPLOSIVOS PODEM CAUSAR CEGUEIRA OU LESÕES LEIA AS INSTRUÇÕES DESTE MANUAL EVITE FOGO, FAÍSCA, CHAMAS E CIGARROS MANTENHA FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS

• Evite o risco de acidente. Não instale a bateria sem estar devidamente treinado, com equipamentos de segurança e dispor das ferramentas necessárias. Siga as instruções de segurança contidas no produto e em seu manual de instruções.

 

• Fixe bem a bateria na badeja durante a sua aplicação e periodicamente observe se ela continua bem fixada. As vibrações a que a bateria é submetida no dia a dia podem levar a danos internos e desgaste prematuro.

 

• Ao instalar a bateria, teste se o alternador, regulador de tensão e motor de partida estão em ordem, e se não há fuga de corrente. A ocorrência de centelhamento ao conectar os cabos pode indicar fuga de corrente. Garanta que o regulador de tensão do veículo esteja entre 13,8 e 14,8 Volts.

 

• Durante a instalação da bateria, utilize uma fonte de energia externa para não interromper o fornecimento de energia.

 

• Sempre que a luz de advertência do veículo estiver acesa ou piscando com o motor em funcionamento, procure um eletricista para realizar um check-up elétrico.

 

• Faça revisões periódicas do sistema elétrico do veículo (alternador, motor de partida, regulador de tensão). A falha de algum destes itens pode descarregar ou sobrecarregar a bateria, dificultando a partida ou comprometendo a sua vida útil. Indicamos 6 meses como a periodicidade adequada. • A bateria selada não deve ser violada. Não remova ou danifique as rolhas, tampas ou sobretampas da bateria.

 

• Não utilize a bateria em aplicações não automotivas, tais como veículos de tração elétrica ou sistemas estacionários. A Moura também fabrica baterias adequadas para tais aplicações.

 

• Na hora da troca da bateria, devolva sempre a usada. Baterias não podem ser descartadas junto ao lixo doméstico, pois contêm elementos tóxicos. Todas devem ser encaminhadas para reciclagem e tratamento adequado.

 

• Em caso de dúvidas, consulte o manual do veículo e/ou a Rede Moura de Assistência Técnica.

 

• Fuga de corrente tolerável = 40ma ou 0,040A.